domingo, 23 de agosto de 2015

Ligado no coração do amado, da amada

por Hector Othon

Ernesto Simôes
Alerta para quem embriagado de emergências
se esquece de dar noticias, beijos, carinhos a seus amados e amadas,
necessários para tranquilizar.

Alerta para o jovem intrépido
que ainda não conhece a tortura que é 
para um pai, uma mãe, um avô, uma avó, tios, irmãos, amigos 
não ter noticias dele, 
quando possuído de ardor se entrega ao desconhecido...

Diga eu que já machuquei minha mãe. Falando com minha mãe quando veio me visitar no Brasil sobre o passado, comentei: 

"Mãe, se eu te falasse o que já fiz com 13 anos, você morreria do coração"(Mamita, si yo te cuento lo que hice con 13 años, tú te mueres del corazon) 
Ela me respondeu: "Meu filho, eu não sabia o que você fazia, mas o sentia, o sentia, e muito tive que orar para te proteger de todas as coisas terríveis que imaginava. O que eu não soube foi como não morri do coração de tanto que me preocupava e sofria... Meu filho, para tua mãe sempre fala a verdade, nada melhor que a verdade. Pode ser que primeiro a verdade doa, mas depois é sempre melhor... não tem maior tortura e dor que o astral que cria a mentira e a omissão (Mi hijito, yo no sabia lo que tú hacia, pero lo sentia, lo sentia y mucho tuve que rezar para te proteger de todas las cosas terribles que imaginaba. Lo que yo no sabia fue como no me mori del corazón de tanto que me preocupaba y sofria... Mi hijito, para tú mamita siempre habla la verdad, nada mejor que la verdad. Puede ser que primero la verdad duela, pero despues es simpre mejor... no tiene mayor tortura y dolor que el clima que cria la mentira o la omision, porque el diablo juega con ellas y te hace siempre imaginar lo pior...)"
Ernesto Simôes
Ela com 84 me falou assim olhando nos meus olhos, aí eu senti como sem querer fazemos sofrer a quem mais nos ama só por não ter a coragem de compartilhar a verdade e encarar as suas consequências. 

Chorei, chorei e lhe pedi perdão mil vezes, e combinamos que mais nunca eu omitiria dela qualquer coisa que eu estivesse vivendo, e dessa vez eu vi minha mãe como cúmplice e não como alguém que iria me reprimir.


Ernesto Simôes

Ernesto Simôes
Que alivio!!!

Amadas, amados, vale a pena enfrentar os fantasmas que nos separam de nossos pais, irmãos, parceiros e descobrir que a maior bênção nos relacionamentos íntimos é ser verdadeiro...

ainda que para isso tenhamos que encarar profundos debates de ideias envolvendo crenças, tabus, diferenças...

Ernesto Simôes
você pode me perguntar e minha individualidade? Meu direito a segredos? Eu te entendo... Pode ter coisas que uma pessoa não queira de nenhum jeito confessar a seu amado, amada!!! E pode acontecer até que o amado e a amada não esteja querendo saber!!!

Já senti também assim... já fiz questão de que se respeitasse meu direito a ter segredos,... só que naquele momento o amor e a firmeza de minha mãe me fez sentir que eu e ela eramos o mesmo ser, que por muito pessoal que fossem meus segredos o amor dela só me aliviariam com sua luz, inteligência, compaixão...
deixei entrar minha mãe na minha memória e no meu coração.., ganhei como companheira a quem desde sempre me amou com incondicionalidade e total dedicação... que bom que consegui este milagre antes de que ela morresse... ela morreu com 92 anos...

"Giving You My Heart" do artista Doug Hyde

Desde que fomos iluminados pela verdade em comunhão... fiquei livre desse eu que me isolava dos meus próximos em nome de minha privacidade, de minha liberdade para fazer o que eu quisesse ainda que fosse contra a vontade de meus próximos...
E me falei agora vou ser verdade e só verdade, especialmente para quem estiver junto comigo... claro que primeiro sinto sozinho, medito, reflito, mas se algo se torna vontade, eu decido compartilhar com as pessoas que estão envolvidas - não para avisar o que vou fazer, mas para humildemente informar o que estou querendo, necessitando e juntos chegarmos a uma decisão. Agora eu sei, sinto que eu sou também quem está comigo, e que o único caminho da paz, do bem e do cuidado mútuo é sermos verdadeiros e estarmos dispostos de agirmos conscientes dos desdobramentos de nossos atos em nossos amados e no ambiente...
A paz e o amor só reinam quando vivemos com a consciência, a inteligência e a sensibilidade de que somos o um, ainda cada um em seu corpo e com sua personalidade.

A ligação de pais, avós, filhos, irmãos, namorados, casados, verdadeiros amigos é a todo o instante, e rola pelos canais misteriosos que nos ligam: sangue, telepatia, amor...

Uma grande retribuição ao amor que nos une é nos manter o máximo de tempo em contato carinhoso quando distantes (ainda juntos). Como? Dando noticias como canto de passarinho. Não tem que ligar pelo celular e ficar uma hora explicando o que está fazendo. Eu particularmente te aconselho a não explicar nada... Mas liga para dar um beijo, para expressar o quanto ama. Se não conseguir falar, manda uma mensagem. Se não conseguir escrever, manda uma flor... mas não deixa a teus amados e amadas se torturando imaginando o pior, lutando para pensar no melhor,.. muito mais se estás bem...

Se estiver mal, ainda sem força, te esforça em dar noticias, em mandar beijos, em te abrir para receber os beijos de quem te ama... aceita o amor possível de teus amados, amadas... aceita o jeito que teus amados se comportam,.. faz o máximo possível para que o carinho e o amor circule além das dores, das decepções... ainda que as mágoas, o ódio, a vingança, a preguiça, o desligamento esteja dominando... te abre para o amor que palpita no fundo, e acaricia ainda através da crueldade das sombras e das ilusões...

fim da noite, luz no fim do túnel, virada...
Ernesto Simões
o objetivo espiritual básico de qualquer um de nós é facilitar o reino do amor, da confiança, da lealdade, do belo, do carinho, do cuidado mútuo entre familiares, amigos, próximos vencendo todos os atritos e diferenças... quem conseguir isto está pronto para viver sua participação social na lucidez e na sabedoria de quem sabe com arte acolher e se entregar no balanço gozoso da vida em milagres.
Ernesto Simões
Estes dias estão intensos, acordando muitos conteúdos inconscientes, tal a força da Luz, e assim podemos entrar em paranoias e negatividades projetadas em familiares, amigos, companheiros de igreja, de trabalho, de esportes... e sem querer podemos violentar, agredir emocionalmente e até fisicamente... podemos romper relacionamentos, podemos sair de grupos... tudo por nos entregar a negatividade, no inicio baixo controle... mas a partir de certo momento, fora de controle total...

seja qual for teu estado emocional, te mantém em contato, dá noticias e te esforça em integrar as diferenças com arte e carinho...

faz questão de colaborar com a felicidade e o bem-estar de quem estiver próximo... faz ações concretas... presenteia com uma comida saudável... resolve um problema da pessoa... alivia, alivia... e por favor, atenção para não complicar... trazer preocupação, baixo astral... sacode!!! Te responsabiliza pelo que emanas,... 
... nada pior que receber pensamentos perturbados, negativos dos amados e das amadas e não poder dialogar, agir...




Para os que estiverem preocupados:

pais, mães, avôs, avós, familiares e amigos que estão perturbados pela falta de noticias de um filho, de um familiar, de um amigo ou por não saberem o que fazer...

evitem estar imaginando desgraças, evitem alimentar o negativo... eu faço assim:

"Mestres, Guias, Protetores, Anjo da Guarda de (fala o nome da pessoa completo), meu coração está alertando que ele está precisando de ajuda, proteção, orientação, vaiam até ele e facilitem o que ele precisar!"

Se eu sentir que precisa de assistência médica: invoco aos Médicos do espaço, as equipes de cura espirituais de nossos irmãos pleiadiandos, estelares, planetários", os xamãs e pajés que curam desde o astral....

se você não acredita nestes irmãos curadores e orientadores do astral, pede a teu Deus, se não acredita em Deus, emana carinho, amor, bons pensamentos...

Amadas, amados, o momento requer que todos estejamos atentos uns aos outros e que diante de provações e mudanças cultivemos o carinho, as gentilezas, o cuidado mútuo!

"A teus amados, amadas distantes manda noticia, mensagem, beijos, seja via e-mail, Facebook, passarinho, mas não perca o contato..."

Repito: se vai sair, estar longe de quem está ligado em ti, faz questão de manter contato carinhoso... Se estas perto, mas distante no coração, medita, reflete, busca a cura, mas te esforça em irradiar só carinho, amor, beleza, fé, inspiração...

Esta desafiador para todos, mas juntos ligados no amor podemos fazer virar a roda e alegrar...

Aqui e agora
agradecimento
celebração
adoração

estamos vivos
na bênção da comunhão
na guerra, se erra
na Terra
Paz, Amor
somos o Um
Om
iá!
ió!

os relacionamentos iluminar,
amar, cuidar, acarinhar,
amar, amar

viva o carinho entre todos! 
te amo
Hector Othon

Um comentário: